Madrid – Parte 1

Imigração

Como era esperado, a saída em São Paulo atrasou. Mas o voo foi tranquilo, e dei sorte de ter das poucas poltronas desocupadas ao lado, para esticar as pernas. Em Barajas, a temida imigração espanhola.  Milhares de papéis impressos, extratos bancários, extrato de cartão, seguro viagem, contrato do seguro, todas as reservas de hotéis e transporte, tudo o que podia de documento estava na mão.

O cara da frente demorou uma eternidade prá ser liberado. Entrego o passaporte, o fiscal olha uns 5 minutos, até achar carimbo do EUA para carimbar a entrada – nem perguntou nada! Interessante na esteira de bagagem foi a quantidade de mochilas, e carrinho de bebês, o que mostra que criança não é desculpa prá não viajar…

Hospedagem e transporte

Transporte aqui é metrô. Como o aeroporto é bastante grande, leve a mala no carrinho até o metrô. Lá chegando, o negócio é comprar logo um passe de 10 viagens(E$10) + complemento do aeroporto, que é outro euro. Pegue o mapa do metrô e este será o principal(meu caso, foi o único) meio de transporte usado na cidade.

Fiquei hospedado no Hostal María Alcazar Ii (não tem site) pelo ‘hostalbooking’ a E$ 26 por dia, em quarto single, banheiro compartilhado, sem café – mas com internet, que é o que conta.  Mais importante que tudo: muito bem localizado, em esquina da Gran Via, perto da puerta del Sol e principalmente: quase na frente do Metrô Callao. E com o calor sem noção que estava em Madrid (média de 37 ), o ar-condicionado foi sonho de consumo. 

Começando

Descansar é para os fracos!! Tomei um banho e já fui caminhar pela Gran Via, até a Plaza Cibelles e dali uma passada no  Parque del Retiro, que simplesmente adorei. Aquele calor infernal, e um paque todo arborizado prá passear – quer melhor que isso num sábadão?  O ponto alto é um belo lago com vários barquinhos. Em todo lado, um monte de gente deitada nos gramados, aproveitando um parque que por 400 anos foi somente para a família real, mas hoje é público.

Parque del Retiro

Parque del Retiro

Pegando fila.

Mais ou menos 18h00 estava numa fila enorme, mas daquelas que valem a pena, pois era a entrada de um dos maiores museus do mundo, o Museu del Prado, de graça no sábado a tarde (e também em outros dias, então pesquise para ir). O melhor: mesmo a fila enorme, esta é bem rápida. Em 2 horas conegui percorrer quase todas as salas, que estão cheias de quadros não só espanhóis, como de vários outros países (gosto principalmente de Holanda e Itália).  Só saí quando começaram a expulsar a gente dali, já pensando em voltar outro dia. Saindo, o sol alto faz a gente esquecer que já são mais de 20h00.    Importante: Leve moedas para deixar sua mochila no guarda-volume. Na saída, você pega sua moedinha de volta

Plaza Mayor

Depois de me perder muito, consegui chegar no principal ponto da cidade, ainda durante o dia. A Plaza Mayor já abrigou touradas, a inquisição, manifestações de diversos tipos e hoje abriga restaurantes e bares para todos os gostos, sempre com alguém tocando algum instrumento… enfim: tem um clima muito gostoso que faz querer ficar horas por ali. Dei umas voltas na região, e no Mercado de San Miguel ainda acompanhei parte de Uruguai X Alemanha, pelo terceiro lugar na Copa – era visivel a divisão de torcidas.

Plaza Mayor

Plaza Mayor

Depois de umas 24 horas sem comer algo decente, a fome bateu. Aproveitei um ‘menu del dia’, que é bem mais barato, e comi a paella com mais algo que nem lembro – o que importa é a paella 🙂 Como finalmente anoiteceu (umas 22), voltei para uma última passada pela Plaza antes de caminhar até o hostel.

 

Plaza Mayor de noite.

Plaza Mayor de noite.

Anúncios

2 Respostas

  1. E ai Alex, blza???
    Tenho acompanhado seu blog… Tô querendo muito fazer umas loucuras dessas tb… hehehehe… Muito bacana seus comentários…
    parabéns!!!
    Abraço,

    • Opa.Tudo bom?
      Cara, não sei como seria Madrid se não fosse a final, mas com esta festa toda posso dizer que foi um dos melhores lugares que já conheci 🙂 Aquilo lá foi demais, demais!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: