Capoeira em Budapeste

PARLAMENTO

De manhã fiquei um tempão no hostel batendo papo e, pricipalmente, invejando a galera. Pelo menos 1 casal e outra moça estava em Budapeste para passar o fim de semana, com aquelas passagens de 1 euro! O casal vinha da Eslováquia e a moça de Londres. Se inveja matasse….

Por causa disto, cheguei ao Parlamento pouco depois das 10 e já não havia ingresso para aquele dia(em nenhum idioma)- e não estaria aberto no dia seguinte! Buaaaa já era o parlamento. Assim, por experiência própria: chegue cedo ou compre no dia anterior. Bom, sem poder entrar, ao menos dei uma volta completa pelo lado externo, e aquilo lá é impressionante. No pedaço do Danubio, vi um pessoal andando perto do rio e claro, fui prá lá dar umas voltas… com mais uma vista linda, desta vez do lado de Buda. Para sair do Parlamento, peguei o bonde que passava ali perto e que, sozinho, já vale o passeio. Fui nele margeando o Danúbio até praticamente o final. Vale bastante o passeio, até porque você não vai normalmente práqueles lados.

Buda vista do Parlamento

Buda vista do Parlamento

Parlamento

Parlamento

DONAHY SYNAGOGUE

Para voltar, desci onde vi um metrô e segui até a estação Astoria, que fica perto desta que é a segunda maior sinagoga do mundo, construida em 1859. Por incrível que pareça, nunca tinha entrado em uma sinagoga… ali você só entra com o tour guiado (e  mesmo que fosse sem o tour, acho que vale pagar por ele) . Importante: homens usam aquele chapeuzinho na cabeça mulheres não entram com os braços descobertos – vi barrarem 2.

A Sinagoga é impressionante. Linda, linda e cabem 3 mil pessoas ali dentro e ficar ouvindo o guia é muito interessante. O melhor momento foi quando alguém perguntou para o guia: “De onde você é?” Resposta: “Transilvânia” deixou um espaço e completou “ali na Romênia”. Neste espaço, todo mundo imaginando o cara se transformar em drácula 😀    Continuando, como comentei na parte de Auschwitz, parte da história é sobre os comunistas e como, para manter um ar de liberalidade, eles deixavam as igrejas abertas para quem quisesse frequentar – mas quem frequentasse era preso. Também aqui temos diversas histórias de tortura e horror que o país enfrentou nos dominios nazista e comunista.

A grande Sinagoga

A grande Sinagoga

Do lado de fora, o tour continua por jardins onde eram enterrados os mortos do gueto e no fundo uma belíssima homenagem aos mortos na guerra, particularmente uma árvore com folhas de ferro contendo o nome de 75 mil destes mortos. Além disto tudo, o ingresso também inclui um museu – este é interessante, mas não indispensável.

Homenagem aos judeus mortos na Guerra

Homenagem aos judeus mortos na Guerra

St Istvan Cathedral

Até dá prá ir a pé, mas fui de metrô mesmo até esta bela basílica que foi concluida somente em 1906.  Além de toda a beleza que estas igrejas sempre tem (como disse uma amiga minha: Igrejas são museus gratuitos), ela ainda tem uma curiosidade: nos fundos, do lado esquerdo de quem entra, existe um mausoléu onde estão os restos mortais da mão de St Stephan, que morreu em 1038. Não sei se é isso mesmo, mas… tem ali toda a história da busca pela tal da mão.

 OPERA

Da igreja, não estamos longe da ópera de Budapeste. Tinha tentado comprar alguma entrada, mas não há apresentações em Julho e Agosto, então só tour mesmo. E aquilo é lindo!! Dá pena não poder assistir algo ali. O tour dura mais ou menos 1 hora, onde vemos o palco por baixo e também dos lugares vips, além de várias salas e outras histórias. Ao final, pode-se ouvir uma mini-ária, que achei beeeem brega hehehe  O detalhe: tinha visto vários brasileiros já, mas naquele tour devia ter uns 10.. impressionante!

Hungarian State Opera

Hungarian State Opera

 SZÉCHENYI BATHS

Mais um dia acabando, mais um spa para aproveitar 🙂 Este aqui fica perto do City Park, e tem estação do metrô bem na frente. É um dos maiores complexos da Europa  e funciona parecido com o Géllert. Pega a ficha para um armário e se quiser aluga toalha (aqui mais parece um pano…) Aqui tem muito mais piscinas – as internas são as mais aquecidas, com algumas parecendo ofurô, outras normais só para relaxar e até uma com corrente. Era engraçado ver o povo ficar dando volta ao redor da piscina, sem entender o porque, até eu entrar e ver que a corrente ali é bem forte, a ponto de realmente não ter como ficar parado, só tendo que cuidar para não ficar se batendo.

Além das internas, as externas também são demais. Todas aquecidas, a maior delas de tempos em tempos tem bolhas saindo de baixo em alguns lugares para massagem, e lá no fundo tem a mais aquecida de todas, simplesmente deliciosa (apesar do sol forte que faz do lado de fora também). Engraçado foi sair dela e entrar na do lado, que tem lugar para natação. Ali marca 26 graus na entrada e eu pensando: beleza, outra aquecida. O problema é que estava em uma com mais de 40… assim o frio na hora de entrar quase mata de susto hehehe

Mais uma vez, depois de ver tudo, voltar para tirar fotos, porque aquele ali é lindo. Na comparação, gostei mais deste aqui que do mais famoso Géllert

Piscinas externas

Piscinas externas

Peste7 

CAPOEIRA EM HOSOK TERE

Depois de umas 2 horas só relaxando, uma volta no city park e segui para a Praça dos Heróis, com suas impressionantes estátuas dos fundadores do país. Engraçado foi chegar lá e ter uma rodinha de gente de branco, mas só acreditei no que via quando começaram a jogar. Sim, era um grupo brasileiro de capoeira em plena capital húngara! Claro que rápido juntou gente prá ver…

Capoeira em Budapeste

Capoeira em Budapeste

Depois de mais algum tempo, com a praça ficando cada vez mais linda conforme a noite avançava, e a vista impressionante do monumento, hora de comer em algum kebab e encerrar o dia.

Praça dos heróis

Praça dos heróis

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: