Mudança de prioridades

Nestes 9 anos de viagens e mochilagem, sempre disse que viajar é questão de prioridades – fizemos em média 1 viagem grande por ano. Por outro lado, não sobre grana para mais nada – nem a tal ‘reserva de emergências’ criamos ainda. E nem o nascimento da Isabeli mudou isto.. para este ano já tinha planejado outra viagem. Como disse: prioridades. Mas agora chegou a hora de, ao menos temporariamente, mudar a prioridade.

No começo do ano estava analisando 3 lugares: Itália (o sonho), Colômbia (era a maior possibilidade) e Brasil (para onde?) Apesar de muita gente fazer estas viagens mais longas com criança em idade intermediária (nem tão novinha que dê para ir no berço, mas não tão velha a ponto de aguentar muito tempo sentada), a Isabeli estava começando a ficar reclamona em qualquer saída de carro por mais de 1 hora – imagina então para a Itália – assim que esta acabou sendo deixada para o futuro.

Colômbia parece uma ótima opção, com Cartagena e Bogotá, quem sabe uma esticada até San Andres – mas são 6 horas de voo até Bogotá e a Mima ficou com medo da Isabeli começar a reclamar demais e acabamos também deixando.

As férias seriam em Junho\julho e no Nordeste é só chuva em boa parte – depois de pesquisar, resolvemos por Fortaleza, passando uns dias no sul e outros mais ao norte do Ceará. Para a região, 10 dias parecia bom, então emendaria em Belo Horizonte e cidades históricas de Minas, que ainda não conhecemos. Viagem resolvida, planejamento começado.

Mas ai chegou Abril (ou Maio) e do nada, sem nenhum planejamento financeiro, surgiu uma oportunidade boa e… demos nosso apartamento como entrada em uma casa. A casa é nova, então tem que colocar piso, pintura, móveis, enfim: todo o mínimo para tornar um lugar habitável.

Resultado: em lugar de Fortaleza, pela primeira vez desde 2005(quando guardava dinheiro para o casamento), as férias foram em casa. Mais: passei metade delas entre pintar a casa e visitar depósitos de construção. Dos 10 dias que tiramos, fizemos algo de ‘férias’ em 2, saindo  passear em Sampa mesmo.

Se tudo der certo, no final de Agosto, começo de Setembro, fazemos nossa mudança (até porque temos que desocupar nossa casa, que já foi vendida).

E o blog?

Um dos motivos para ter levado mais tempo que a média para escrever sobre Paris é que eu queria ficar lembrando da última viagem que faremos em algum tempo (imagino a próxima só para 2015, mas quem sabe ano que vem, né).

Tenho algumas coisas para escrever sobre São Paulo e sempre quis fazer posts do Uruguai (afinal: já fui lá umas 8 vezes – a trabalho – nos últimos anos), mas depois disto não sei. Talvez escrever sobre Bolivia, Peru, talvez Patagônia, ou mesmo parar por um tempo. Não sei mesmo… vamos ver o que o tempo nos trará.

Por enquanto, obrigado aos que aparecem de vez em quando 😉

Museu do Futebol - Pacaembú

Museu do Futebol – Pacaembú

Passeando pelo Mercado Municipal

Passeando pelo Mercado Municipal

Anúncios

3 Respostas

  1. Adiar uma coisa aqui, outra ali… faz parte desse processo de novas prioridades. De resto, vale tudo, menos parar. Nem de escrever, nem de viajar.

  2. Ahh seu blog vai ser sempre legal mesmo se só der dicas de São Paulo, que é uma baita cidade bacana de visitar. Por favor, continue escrevendo, seja sobre viagens mais antigas, seja sobre passeios paulistanos com a Isabeli (que, aliás, eu preciso conhecer!!).

    Mas eu tenho certeza de que não vai demorar muito para vocês viajarem de novo. Às vezes surge uma promoção bacana, uma oportunidade legal de conhecer algo mais perto…

    Enfim, vou ler esse blog não importa o conteúdo!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: